Ele quebrou a regra para cumprir a Lei.

Cinegospel


 

pelo ponto de vista cristão?

Ou é perda de tempo?

 

 

Algumas pessoas me perguntam qual é a importância de se criar um site sobre cinema do ponto de vista cristão. É relevante? É perda de tempo? Para responder isso, convido você a fazer uma viagem no tempo.

 

Na primeira metade do século 20, quando o cinema era uma arte nova, jovem, cheia de espinhas na cara, os governos do mundo todo descobriram o fascínio que os filmes exerciam sobre as pessoas e começaram a usá-lo como poderosas ferramentas de propaganda e transmissão de suas ideologias. Os americanos passaram a exportar sua cultura e seu jeito de viver pelo cinema. Repare que hoje você usa camisetas em inglês, ouve músicas em inglês, assiste a filmes em inglês, veste calça jeans…sem que você perceba, a cultura americana invadiu a sua vida. Mas como? De repente você nunca pisou nos Estados Unidos! A resposta é: pelo cinema.

 

Quando Hitler quis divulgar suas loucas idéias nazistas de superioridade da raça ariana, o que ele fez? Contratou uma talentosa cineasta chamada Leni Riefenstahl para fazer filmes como “O triunfo da vontade”, que são primores da arte cinematográfica mas que servem principalmente para disseminar ideologias nefastas.

 

Sabe por que tantas pessoas fumam, achando que engolir fumaça é a coisa mais charmosa do mundo? Porque viram filmes onde astros sedutores fumavam. Exagero? Então fica aqui a sugestão: vá à locadora e assista ao filme “Obrigado por fumar”. Ele mostra com todas as cores como isso funciona.

 

E na época da Guerra Fria, para quem você torcia nos filmes? Para os soviéticos (que eram sempre os vilões) ou para Rocky, Rambo e outros truculentos heróis americanos? Repare que os super-heróis que você ama vestem roupas azuis e vermelhas, como o Homem-Aranha e o Super-Homem. Que, não por acaso, são as cores da bandeira americana. Coincidência?

 

A conclusão é: cinema influência.

 

O poder de sedução daquelas figurinhas se mexendo nas telas é devastador. O poder de conquista do cinema é tremendo. Quando assistimos a um filme, estamos com nossa guarda baixa, ficamos abertos, desligamos o desconfiômetro e nos tornamos vítimas fáceis das mensagens que são transmitidas pelas películas. Transmitidas, aliás, com músicas tocantes e altas doses de emoção. E nós choramos, rimos, gritamos, nos assustamos…nos relacionamos com os filmes.

 

Cinema é a maior diversão, já dizia o antigo lema do grupo Severiano Ribeiro. Mas também é uma fortíssima arma de transmissão de filosofias, idéias e valores. Se a mocinha do filme engana os pais e mente para eles, a equação é clara: ”Quero ser como a mocinha. Ela é rebelde. Logo, não há problema se eu for rebelde”. O galã do filme faz sexo com diferentes mulheres. Adivinha que mensagem está sendo passada? E quando o herói tem que matar muitos bandidos para triunfar? A conta é simples: Morte = Vitória.

 

A resposta é clara. Sim, cinema é um assunto relevante. Muito relevante. Todos assistimos a filmes, das criancinhas aos anciãos. Todos estamos sob a influência das mensagens e filosofias, dos valores e conceitos que áudio e vídeo empurram por nosso cérebro adentro. E, logo, por nossos corações, mentes e almas.

 

Qual é a importância de se criar um site sobre cInema do ponto de vista cristão? Me responda você.

 

.

 

Maurício Zágari Tupinambá

Jornalista

Professor de Teologia Prática e Filosofia

 

Você pode ver ao lado o selo deste ótimo

site sobre cinema, os colaboradores

estão espalhados pelo mundo

vale a pena conferir

  C I N E G O S P E L    d+++++

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: