Ele quebrou a regra para cumprir a Lei.


 

 

É preciso abrir os olhos lentamente para ver

Evangelho de Marcos 10.46-52

 

 

Fechem os olhos por alguns instantes, depois vá abrindo-os lentamente. Que sensação sentiram? Sentiram uma sensação estranha, não é verdade? Fechar os olhos significa não se deixar tocar, não chorar, não sentir a dor e o desamparo, mas preferir mudar de assunto. Fechar os olhos significa afastar o medo, na esperança infantil: Se eu não enxergo esta coisa horrível, então ela também não está aí. É fugir de nós mesmo.

 

 

É preciso abrir os olhos para ver as coisas, às quais nos havíamos fechado, aprender a ver de forma nova.Eu lhes convido a olhar o cego Bartimeu, um dos personagens deste capítulo do Evangelho de Marcos. Sua determinação enérgica nos ensina que mesmo não podendo ver nada ao seu redor, podia ouvir. Assim, ouve alguém dizer que Jesus está próximo (verso.47), não perde a oportunidade e grita : “Jesus, filho de Davi, tenha pena de mim!” Muitas pessoas o mandaram calar, mas ele não se inibe e continua firme a gritar.“Então Jesus para e diz chamem o cego. Eles  chamaram e lhe disseram: -Coragem! Levante-se porque ele está chamando você!”(v.49) Jesus pergunta a Bartimeu: “ o que é que você quer que eu faça?”– Com, esta pergunta o cego é convidado a refletir: o que eu quero realmente? Ver significa transformar toda a vida. Quero isso? Será que consigo lidar com isso? – e só então da a sua resposta à pergunta de Jesus: “Mestre, eu quero ver de novo!”(v.51) . Esta resposta contém a certeza de que é bom ver. Significa que a claridade é melhor do que estar sentado no escuro ou na penumbra, mesmo que cheguem a doer o fato de olhar para a claridade, quando os olhos estão fechados durante tanto tempo.

 

 

Algo importante aconteceu quando se toma a decisão do cego Bartimeu. É a resposta que Jesus dá ao seu pedido: “Vá, você está curado porque teve fé!”(v.52) Nesse “vá” está contida a significação: Acorda para aquilo que é novo! Foi o que fez Bartimeu ao começar a enxergar novamente, seguiu Jesus pelo caminho, não lhe incomodava mais a multidão que lhe havia mandado calar, não lhe importava o que diziam ou comentavam. O importante era seguir Jesus.

 

 

Da mesma forma, Jesus também ouve o seu grito, Ele está diante de você a perguntar: "- O que você quer que eu faça? O que você precisa no momento?". Basta ter  fé. Jesus é o Único capaz de nos tirar do abismo da insegurança, do medo; é Ele quem nos reergue, nos dá nova visão para que possamos, ver de novo.

 

 

            Que Deus nos abençoe!

 

 

 

            Revdª Izaura Márcia Venerano

 

            Igreja Presbiteriana Unida de Maruípe – ES – IPU

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: